projeto

POESIA NAS ESCOLAS

Para apresentar a poesia às crianças, adolescentes e jovens e estimulá-las ao interesse literário, Renan Inquérito se vale da experiência como professor e MC para tocar o Poesia nas Escolas. Em um ano o Poesia nas Escolas passou por mais de 40 estabelecimentos de ensino e atingiu pelo menos 10 mil pessoas com edições e apresentações de saraus, provando que “Rap é Educação”.

“Só vou desistir, abortar minha missão, quando a educação aqui virar ostentação”

As poesias sobre questões sociais, racismo, amizade, entre outras, ditas por Renan Inquérito, mescladas com alguns sucessos do Inquérito declamados e poesias curtas, de diferentes autores, abrem espaço para a participação do público. Com o microfone aberto, o Poesia nas Escolas oferece espaço para que todos possam interagir, declamar suas poesias, contar suas histórias, ler seus poemas. A participação do público é estimulada e quem assiste passa do lugar de espectador para protagonista dos encontros.

Em parceria com o Sesc Campinas, durante 2015, o sarau percorreu 32 escolas na região com o projeto Encantar, fazendo com que as crianças tivessem o primeiro contato com a poesia. A mudança pode ser notada, facilmente, pelos educadores, como é o caso da professora de português Isaura, de uma instituição que recebeu o Poesia na Escola duas vezes. “Foi uma experiência que implementou novas coisas na aula de língua portuguesa. As crianças saíram da atividade fazendo poesia, música e começaram a enxergar tudo diferente. Até as placas de trânsito viraram poesias para elas, então foi muito importante”, comentou.